A força alvirrubra

Náutico leva um gol no início, mostra poder de reação e sai de campo vitorioso (3×1) no primeiro clássico de 2011

Com alma, luta, mas nun­ca esquecendo a qualidade e o apuro tático, o Náutico conseguiu uma bela virada para cima do ex-líder Santa Cruz (placar de 3×1), na tarde ontem, no Estádio dos Aflitos. A força esteve presente também na arquibancada, com uma participação massiva de torcedores em festa, sendo que só o lado alvirrubro saiu com o sorriso largo reservado aos vencedores. Os temperos amargos de clássicos, como nervosismo, confusão e reclamação de arbitragem, bem que tentaram desandar o caldo, mas a qualidade do jogo apresentado foi suficiente para que o futebol não fosse ofuscado.

Gol! Logo assim, de primeira, já que a etapa inicial nem bem começou e o Tricolor – visitante inconveniente – abriu o placar dos Aflitos. O meia Mário Lúcio, em sua única participação eficiente na partida, ganhou uma disputa no lado direito do ataque e rolou a bola para Jackson. O lateral-direito encontrou Thiago Cunha livre na grande área alvirrubra. Sem o incômodo dos zagueiros ou do goleiro Gledson, o artilheiro cabeceou com tranquilidade para fazer 1×0.

A mudança do panorama aconteceu quando o Náutico se aproveitou da velha máxima futebolística de que a melhor defesa é o ataque. Avançando peças e pressionando, a qualidade alvirrubra começou a prevalecer. Aos 14, Eduardo Ramos, que já começava a se destacar no meio-campo do Timbu, cobrou escanteio na direção de Walter. O zagueiro desviou de cabeça e o oportunista Ricardo Xavier apareceu no meio do caminho para dar o toque fatal para o fundo do gol.

Os altos falantes dos Aflitos não anunciaram, mas o segundo tempo já tinha um dono: Derley. Antes do volante coroar uma ótima atuação, surgiu um lance que balançou as estruturas do Tricolor. Aos 22 minutos, Thiago Mathias ficou com uma bola limpa dentro da área para fazer 2×1. Só que Ricardo Xavier apareceu do nada e impediu o chute do jogador coral. Os tricolores foram a loucura pedindo pênalti ao árbitro Nielson Nogueira Dias.

Quatro minutos depois, veio a glória de Derley. Em uma arrancada fantástica, o jogador passou por dois adversários e bateu no ângulo do goleiro André Zuba, que substituiu o lesionado Thiago Cardoso. Golaço é pouco. Foi um daqueles tentos que arrancam palavrões de incredulidade até nos mais pacatos torcedores, pela forma que a jogada foi se desenhando.

Naquele momento, o Santa Cruz já não era o mesmo Tricolor avassalador, sem conseguir mostrar força para reagir. Embalado por uma eufórica torcida, o Timbu deu o golpe derradeiro aos 34 minutos. Eduardo Ramos, tranquilo como em um passeio, cortou a zaga coral e chutou para o gol. Zuba não conseguiu segurar a bola, e viu Ricardo Xavier se antecipando. O atacante alvirrubro foi tocado pelo goleiro e Nogueira apontou pênalti. Na cobrança, Bruno Meneghel bateu com seriedade e marcou o terceiro, partindo para mais uma comemoração calorosa com a torcida do Náutico. Já no final da partida, Elicarlos e Thiago Cunha foram expulsos após se estranharem. Mais um lance que gerou reclamações fortes contra a arbitragem de Nogueira.

Náutico

Glédson; Derley, Walter, Everton Luís e Jeff Silva; Everton, Elicarlos, Eduardo Ramos (Phillip) e Willian (Elton); Bruno Meneghel e Ricardo Xavier (Flávio). Técnico: Roberto Fernandes

Santa Cruz

Tiago Cardoso (André Zuba); Jackson, Leandro Souza, Thiago Matias e Alexandre Souza; Jeovânio, Memo, Weslley e Mário Lúcio (Renatinho); Thiago Cunha e Laécio (Landu). Técnico: Zé Teodoro

Local: Estádio dos Aflitos

Árbitro: Nielson Nogueira

Assistentes: Jossemar Diniz e Pedro Wanderley (Ubirajara Ferraz e Alcides Lira)

Gols: Thiago Cunha (aos 3 do 1ºT), Ricardo Xavier (aos 14 do 1ºT), Derley (aos 26 do 2ºT) e Bruno Meneghel (aos 34 do 2ºT)

Cartões amarelos: Walter, Jeff Silva, Everton, Eduardo Ramos e Bruno Meneghel (Náutico); Jackson, Wesley, Thiago Mathias e Jeovânio (Santa Cruz) – Cartões vermelhos: Elicarlos (Náutico) e Thiago Cunha (Santa Cruz).

Renda: R$ 185.220 – Público: 18.112

Anúncios
  1. Deixe um comentário

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: