De virada, Náutico tira invencibilidade e liderança do Santa Cruz

O excelente início de Campeonato Pernambucano protagonizado pelo Santa Cruz não resistiu a um clássico. Neste domingo, o time tricolor cedeu à pressão do Náutico no Estádio dos Aflitos e perdeu os 100% de aproveitamento. O dono da casa fez 3 a 1, de virada, para confirmar o triunfo e subir na classificação.

Com o resultado, o Náutico chega aos 14 pontos, encostando nos líderes da competição. O Santa Cruz, por sua vez, perde a liderança para o Central, que venceu o Porto por 3 a 2 e chegou aos 19 pontos – o time tricolor tem 18.

O Náutico joga mais uma vez nos Aflitos na próxima rodada do Estadual: na quarta-feira, recebe o Ypiranga, às 21 horas (de Brasília). Já o Santa Cruz segue atuando como visitante e, no mesmo dia, mas às 22 horas, vai enfrentar o Porto no Estádio Luiz Lacerda, em Caruaru.

O Santa Cruz abriu o placar logo aos 4min de jogo, quando Jackson levantou a bola e Thiago Cunha cabeceou no canto esquerdo de Glédson. Aos 13min, Eduardo Ramos fez boa jogada e quase empatou: fintou dois jogadores e finalizou, mas Thiago Cardoso defendeu bem. No lance seguinte, Walter escorou de cabeça em cobrança de escanteio e Ricardo Xavier igualou o marcador.

Com o empate do dono da casa, os times voltaram a ter cautela em campo e diminuíram o ritmo das jogadas. O Náutico ainda assustou aos 21min, quando Ricardo Xavier tocou de cabeça para finalização de Willian, mas Thiago Cardoso evitou a virada ainda no primeiro tempo e defendeu.

O Náutico só foi marcar quando André Zuba já havia substituído o lesionado Thiago Cardoso. Derley recebeu pela direita aos 25min, fintou três jogadores e bateu com força para acertar o ângulo oposto. Com a força de sua torcida, o anfitrião partiu para cima e logo conseguiu mais um tento.

Aos 33min, Eduardo Ramos fez boa jogada dentro da área e bateu para o gol. André Zuba fez a defesa e, no rebote, acabou derrubando Ricardo Xavier. O pênalti foi anotado, e Bruno Meneghel converteu para completar a festa da torcida do Náutico.

O clima dentro de campo esquentou no final e o árbitro Nielson Nogueira Dias acabou expulsando três jogadores. Elicarlos e Thiago Cunha se desentenderam após dividida e levaram o vermelho direto, aos 44min. Pouco depois, Weslley também foi para o chuveiro mais cedo, por reclamação.

Náutico 3 x 1 Santa Cruz

Gols

Náutico:
Ricardo Xavier, aos 14min do primeiro tempo; Derley, aos 25min do segundo tempo; Bruno Meneghel, aos 34min do segundo tempo
Santa Cruz:
Thiago Cunha, aos 4min do primeiro tempo

Náutico: Glédson; Derley, Éverton Luiz, Walter e Jeff Silva; Éverton, Elicarlos, Eduardo Ramos (Philip) e Willian (Elton); Bruno Meneghel e Ricardo Xavier (Flávio). Técnico: Roberto Fernandes

Santa Cruz: Thiago Cardoso (André Zuba); Jackson, Thiago Mathias, Leandro Souza e Alexandre Silva; Jeovânio, Memo, Weslley e Mário Lúcio (Renatinho); Thiago Cunha e Laécio (Landu). Técnico: Zé Teodoro

Cartões amarelos
Náutico: Derley, Walter, Éverton, Jeff Silva, Eduardo Ramos e Bruno Meneghel
Santa Cruz: Jackson e Jeovânio

Cartões vermelhos
Náutico: Elicarlos
Santa Cruz: Weslley e Thiago Cunha

Árbitro
Nielson Nogueira Dias (PE)

Local
Estádio dos Aflitos, Recife (PE)

Anúncios
  1. Deixe um comentário

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: